Tecnologia do Blogger.

Missão: Libertar o sagitário adormecido!

Esses dias comecei a ler muitas coisas a respeito de signos, talvez por ter me envolvido com duas capricornianas seguidas e as duas terem agido da mesma forma comigo (ou poderia ser porque ambas tinham 18/19 anos).
Nessas pesquisas e leituras vi que eu não tenho quase nada do meu signo, quer dizer, eu achava que não tinha. A primeira coisa que eu sentia falta era do tal espírito aventureiro do centauro, da necessidade de liberdade, e eu não entendia essa necessidade porque eu adoro ficar presa em casa o dia inteiro, mas então no natal eu fui para a casa dos meus tios-avós em outra cidade e lá eles acordavam tarde, tomavam café-da-manhã, tiravam um cochilo, almoçavam, tiravam outro cochilo, jantavam e iam dormir cedo. DORMIR. A vida deles se resumia a isso, fora que no prédio inteiro a maioria das pessoas era evangélica, não saiam para lugar algum e só vi alguém da minha idade uma vez. Sério! Se eu tivesse que ficar naquele lugar mais um dia eu me jogaria da varanda!


A partir daí comecei a perceber que eu não estava tão longe assim de ser uma legitima sagitariana, apesar do ascendente em peixes. Queria ser livre! Porém mamãe veio passar o ano novo na minha casa. E ver a queima de fogos (um a cada dez minutos ¬¬) na praia vendo um show de Gil (é aquela da banda baiana que esqueci o nome agora, porque detesto axé) não era o melhor dos planos, mas com certeza era melhor que ficar em casa somente mamãe e eu e ela assistindo RR Soares na Tv comemorando o ano novo uma hora mais cedo enquanto eu jogava 'super crazy guitar' (uma espécie de guitar hero on line) sem ouvir o som, é bem pior!

E a semana que ela passou na minha casa pareceu um mês! Eu queria sair, queria ver coisas, ir para lugares, nunca precisei tanto ser livre! Foi aí que surgiu a ideia: "Libertar o sagitário adormecido" Não como nos Cavaleiros do zodíaco e a armadura de ouro, mas libertar o meu lado mais escondido e desconhecido. O lado que sabe viver!

Foi o que eu fiz! E dividi em fases que não sei bem ao certo quantas são (espero que não muitas). A primeira fase consistia em "Deixar ir". O que isso quer dizer? Quer dizer que eu precisava deixar a florzinha ir porque com ou sem o meu consentimento ela não voltaria mais! Acabou e ponto! E eu sempre demoro muito para entender isso. Por isso desta vez entendi e fiz diferente! Durou algumas semanas, mas comparado a meses ou anos como nos relacionamentos anteriores, até que foi rápido! Foi difícil no começo, mas também, ir para um show de Luiza Possi depois de usar "Flux*" era pedir para ter uma bad! E depois ir ao centro histórico e ver todos aqueles adolescentezinhos tentando afirmar sabe Deus o que, ainda descobrindo a sexualidade e experimentando a homossexualidade porque tá na moda é amarrar a corda no pescoço e se preparar para pular!

Mas o tempo passa! E a mente muda e a você percebe que não adianta mais chorar, não adianta ligar, não adianta pedir! E finalmente você segue em frente! E vamos a fase II!

A fase II consiste em "Ser cara de pau". Deixar toda aquela timidez de lado, porque se a timidez continuar e você continuar sozinha é mais fácil regredir para a fase I ou voltar p o ponto de partida de novo, portanto, vamos adiante! Os passos que ainda não cumpri todos são: Olhar para desconhecidos, encarar pessoas, paquerar, em fim! Tomar iniciativa! Deixar de ficar à margem, de ser certinha, docinho de mais, de ser a compreensiva e a menina que faz tudo que os outros querem como se eu não tivesse vontade própria.

Metade já foi concluída, não sei porque metade, estou mudando, tem coisas que ainda não pude testar e tem coisas que testei, mas eu ainda estava na fase I e não deu certo! Veremos! Quando eu descobrir os próximos passos eu falo.

*Flux = Marijuana

1 comentários:

Anônimo,  15 de janeiro de 2011 13:31  

Bom saber que estas a se recuperar... quem sabe não existam outros signos certos pra ti! Parabéns pela fase II , que dê tudo certo ;*

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário, volte sempre =D

  © NOME DO SEU BLOG

Design by Emporium Digital